Últimas

6/recent/ticker-posts

PSG usará reportagem do Esporte Espetacular para provar racismo contra Neymar

Clube decide utilizar em processo na França o vídeo com leitura labial que mostra ofensa do zagueiro Álvaro González no clássico contra o Olympique de Marselha

Por João Ramalho — Rio de Janeiro


O Olympique de Marselha ficou do lado de Álvaro e declarou que o zagueiro espanhol não é racista. Além disso, condenou a divulgação do telefone celular dele numa rede social. Segundo o clube, o jogador recebeu ameaças de morte. Um tio dele, em entrevista na Espanha, alegou que o sobrinho usou a palavra 'bobo' - que em espanhol, significa "idiota" - e nao 'mono', na discussão.

Depois do jogo, a Comissão Disciplinar da Liga Francesa puniu Neymar com dois jogos de suspensão por causa do cartão vermelho. O brasileiro foi ouvido por videoconferência para se defender da expulsão, e voltou a afirmar que foi vítima de ofensas raciais. A liga vai investigar o caso. O PSG preparou um dossiê para a defesa do atacante. Se González for punido, pode pegar até 10 jogos de suspensão.



 Ele fala a palavra 'mono' em espanhol, no momento em que ele, inclusive, fala e vira a boca. Ali fica claro. A gente não conseguiu, por exemplo, perceber o que ele fala antes de falar a palavra 'mono'. Mas a palavra 'mono' foi um trecho que a gente teve consenso na hora em que estava fazendo o trabalho de leitura labial - afirmou Felipe.

Postar um comentário

0 Comentários